NOVENA DO SENHOR DO BONFIM

PRIMEIRA NOITE DO NOVENÁRIO: "DAI DE COMER A QUEM TEM FOME E BEBER A QUEM TEM SEDE."


glória a ti neste dia de glória / glória a ti redentor que há cem anos
nossos pais conduziste à vitória / pelos mares e campos baianos

desta sagrada colina / mansão da misericórdia
dai-nos a graça divina / da justiça e da concórdia
glória a ti nessa altura sagrada / és o eterno farol, és o guia
és, senhor, sentinela avançada / és a guardo imortal da bahia.

desta sagrada colina / mansão da misericórdia
dai-nos a graça divina / da justiça e da concórdia
aos teus pés que nos deste o direito / aos teus pés que nos deste a verdade
trata e exulta num férvido preito / a alma em festa da nossa cidade

desta sagrada colina ; mansão da misericórdia
dai-nos a graça divina da justiça e da concórdia


Neste primeiro dia do novenário, às 6h, aconteceu a Caminhada Penitencial, saindo da Capela Santa Luzia (Olaria), em direção à Catedral Diocesana culminando na Santa Missa, às 7h, que teve como intenção principal os que passam fome.

Este dia do novenário teve como tema Dar de comer a quem tem fome e de beber quem tem sede (Cf. Mt. 25, 31-46)” e contamos com os celebrantes: Dom Francisco Canindé Palhano, Pe. Darlan dos Santos e Pe. Ailton Maciel Correia –Diocese de Nazaré da Mata – PE.

Em sua homilia, Pe. Ailton Maciel argumentou que “só através de Jesus chegamos ao Pai. Só Nele e com Ele temos acesso ao Pai. Jesus através de seus gestos e ações foi ao encontro de tantos homens e mulheres de seu tempo e tantos outros dando a eles a dignidade. Jesus é o mesmo de ontem, hoje e sempre. Em Cristo, misericórdia divina, Deus recapitula toda filiação e chama o homem a sua vocação à santidade por caminho de conversão diária. Ao ver a multidão Jesus sentiu grande compaixão pelas pessoas que estavam aflitas e desamparadas como ovelhas que não tem pastor. Pediu que o povo sentasse na relva e deu-lhes de comer como diz nas escrituras. Mandou, então, a multidão sentar na relva e tomou 5 pães e, levando os olhos para os céus abençoou-os , partiu-os em seguida e deus a seus discípulos que distribuíram com o povo; todos comeram e ficaram fartos. A preocupação de Cristo era sanar as necessidades primárias do homem: comer e beber".

RITOS FINAIS


Finalizando a noite do novenário, a madrinha do Altar: Renilda Nunes homenageia Pe. Ailton Maciel.


Logo após a Novena o Artista Jota Carlos encantou e animou os fieis no Espaço da Quermesse.

Pascom